Archive for setembro \22\UTC 2009|Monthly archive page

Semana da SBC 2009

Nos dias 21 a 25 de setembro de 2009 estará ocorrendo a Semana da SBC. Neste período, os estudantes poderão associar-se ou renovar sua anuidade com desconto especial para a ocasião. A associação ou renovação será válida deste período até final de 2010.

Esta apresentação descreve a SBC e as vantagens para o estudante quando este se torna sócio.

Anúncios

Internet completa 40 anos em meio a novos desafios

Os milhares de vídeos engraçados, as redes sociais e os aplicativos que atraem bilhões de usuários no mundo inteiro não eram exatamente o que os pesquisadores da Universidade da Califórnia, liderados por Len Kleinrock, tinham em mente quando começaram a trabalhar, há 40 anos, em um projeto que acabou resultando na rede mundial de computadores, a internet.

O objetivo dos pesquisadores era criar uma rede de livre troca de informação. Essa liberdade, no entanto, abriu um mundo de possibilidades e levou ao nascimento de sites como YouTube, Facebook entre outros. Ainda existe muito espaço para inovar, mas talvez não exista mais tanta liberdade para operar. Mesmo com a internet mais acessível e mais rápida, começam a surgir barreiras artificiais que podem afetar seu crescimento.

Os spams e os hackers obrigam os operadores de redes a criarem barreiras de proteção. Governos autoritários censuram muitos portais e serviços dentro de seus países. E, normas comerciais levam a imposição de políticas que prejudicam os concorrentes, principalmente em aparelhos portáteis como o iPhone.

“Existe mais liberdade para que o usuário comum da internet possa jogar, se comunicar, fazer compras”, afirmou Jonathan Zittrain, professor de direito e co-fundador do Centro Berkman para a Internet e a Sociedade de Harvard. “Ao mesmo tempo, existem algumas tendências que tornam muito mais fácil o controle da informação”, acrescentou.

Poucos prestaram atenção quando, no dia 2 de setembro de 1969, um grupo de 20 pesquisadores se reuniram no laboratório de Kleinrock na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, para observar a troca de informação entre dois robustos computadores através de um cabo de cinco metros.

Esse foi o início da rede Arpanet. No mês seguinte, o Instituto de Investigação de Stanford se juntou ao projeto e, antes do final do ano, também a Universidade de Santa Bárbara e a Universidade de Utah.

Na década de 70 foram criados os correios eletrônicos e os protocolos de comunicação TCP/IP, que facilitaram a conexão de várias redes, levando ao nascimento da internet. Na década de 80 foi inventado um sistema de direções utilizando sufixos como .com e .org.

A internet passou a ser um instrumento de uso comum na década de 90, quando o físico britânico Tim Berners-Lee inventou a web, uma subdivisão da internet que facilitaria o uso de recursos de diferentes origens.

A internet floresceu auxiliada, principalmente, pela ausência de regras e políticas comerciais que poderiam ter sido um obstáculo.

“Durante boa parte da história da internet, ninguém tinha ouvido falar dela”, expressou Zittrain. “Isto permitiu demonstrar sua funcionalidade e raízes”.

O próprio governo norte-americano, que financiou as primeiras pesquisas como parte de um projeto militar, não se envolveu muito com a internet e deixou que os engenheiros promovessem a idéia de uma rede aberta.

O idealismo inicial sobre uma rede totalmente livre está desaparecendo aos poucos. A disputa entre Apple e Google é um bom exemplo. A Apple restringe o uso de softwares de navegação na internet no iPhone, tendo bloqueado recentemente a aplicação Google Voice.

Fonte: Portal Terra.